A Secretaria Municipal de Finanças é o órgão do Município que tem por competência:

                  

                            I – propor a política tributária e financeira de competência do Município;

                            II – organizar, inscrever e manter atualizado o cadastro imobiliário do Município, as unidades tributáveis, na forma da legislação vigente, inclusive as que estão imunes ou isentas;

                            III – proceder levantamento de campo ou pesquisas de dados complementares, necessário à revisão e atualização dos cadastros existentes;

                            IV – proceder o registro, o acompanhamento e o controle contábil da administração orçamentária, financeira e patrimonial;

                            V – fazer a inscrição, o controle e a cobrança amigável da dívida ativa do Município;

                            VI – coletar elementos, junto aos cartórios de notas, registros de imóveis e outras fontes, referentes às transações imobiliárias, com o objetivo de atualizar o valor venal dos imóveis cadastrados;

                            VII – proceder à emissão dos conhecimentos relativos à cobrança dos tributos de sua competência, bem como registrar os créditos;

                        VIII – proceder diligências fiscais nos casos de inclusões, isenções, imunidades, arbitramento

revisões e outros casos que requeiram interpretações, verificações ou investigações externas ou internas;   

                            IX – autuar os infratores da legislação tributária no âmbito de sua competência;

                            X – informar processos e expedientes que versem sobre assuntos de sua competência, bem como para o fornecimento de certidões;  

                            XI – estudar a legislação tributária federal e estadual, bem como seus possíveis reflexos e aplicação no âmbito municipal, propondo alterações que proporcionem ao Município permanente atualização no campo tributário;

                            XII – efetuar o acompanhamento, a fiscalização e a preparação das prestações de contas de recursos transferidos de outras esferas de Governo para o Município;

                            XIII – fazer a fiscalização e a tomada de contas dos órgãos de administração centralizada encarregados de movimentação de dinheiro e valores;

                            XIV – proceder o recebimento, o pagamento, a guarda, a movimentação e a fiscalização de dinheiros e outros valores;

Responsáveis

Pedro Gilmar Vidor

Contador

Endereço

  Rua da Republica, 096
    Augusto Pestana/RS

Notícias Relacionadas a este Departamento

30/12/2021

AUGUSTO PESTANA DECRETA SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

Até o momento o prejuízo foi estimado em R$ 83.548.515,00


21 dez 2021

Estiagem – Município avalia possibilidade de decretar situação de emergência

Dados atuais já contabilizam números expressivos em perdas econômicas


16 dez 2021

Receita Certa dá prêmios em dinheiro aos participantes do programa Nota Fiscal Gaúcha

A cada R$ 1,00 em compras com CPF na nota será gerado um ponto


15 dez 2021

IBGE tem 7 vagas temporárias em Augusto Pestana

Para o cargo de recenseador, é exigido Ensino Fundamental completo


09 dez 2021

Teatro de Natal será no dia 23 de dezembro

O espetáculo terá a participação especial do cantor Elton Saldanha


Todas as notícias